Área Restrita:

APC e CRCSP debatem “Demonstrações Contábeis de Entidades Desportivas”

Na tarde de sexta-feira, 25 de maio, a Academia Paulista de Contabilidade-APC, em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo - CRCSP, realizou uma palestra com o intuito de debater a importância da Contabilidade dentro dos clubes de esporte. O tema abordado foi as “Demonstrações Contábeis de Entidades Desportivas”.

O presidente da Academia, Domingos Orestes Chiomento, abriu a atividade, ressaltando o papel da Entidade para disseminar e estimular o conhecimento e a pesquisa no âmbito Contábil. Chiomento agradeceu a contribuição dos Acadêmicos, Angela Zechinelli Alonso, ocupante da cadeira nº 36 e conselheira do CRCSP, por comandar a atividade, o palestrante Raul Corrêa da Silva, que ocupa a cadeira nº 15 e os Acadêmicos que prestigiavam o evento, Adriano Gilioli, cadeira nº 50, Claudio Avelino Mac-Knight Filippi, cadeira nº 13, Eurípedes Sales, cadeira nº 44 e Sílvio Lopes de Carvalho, cadeira nº 9.

Na ocasião, Carlos Aragaki iniciou a atividade fazendo uma retrospectiva das práticas contábeis das entidades desportivas e esclareceu como funcionam os registros contábeis; controle de gastos; e demonstrações contábeis.

O especialista falou sobre a primeira regulamentação da Contabilidade no esporte, que veio através da Lei n.º 9.615/1998, mais conhecida como Lei Pelé. A normativa foi atualizada com o tempo, onde surgiu a Resolução n.º 1.429/2013, e hoje Resolução CFC n.º 1.429/2013 (R1), com novas práticas inseridas.

“A Resolução 1.429/13 estabelece critérios e avaliação, de registros contábeis e de estruturação das demonstrações contábeis das entidades de futebol profissional e demais práticas desportivas profissionais que, direta ou indiretamente, estejam ligadas à exploração da atividade desportiva profissional” afirmou Aragaki.

O assunto foi explanado por dois especialistas no tema, Raul Corrêa da Silva, sócio-fundador e presidente da BDO RCS e Acadêmico da APC, foi o responsável por ministrar a segunda parte da atividade.

Raul, que foi diretor financeiro do Corinthians, relatou que os profissionais precisam estar atentos e inserir boas práticas contábeis no dia a dia para manter uma maior clareza e controle de informações, a fim de reduzir os riscos e falhas na geração e divulgação de dados na questão financeira esportiva.

“Visamos divulgar novas informações e contribuir para o aprimoramento da profissão de Contabilidade, principalmente no que se refere aos Princípios Fundamentais de Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade às entidades de futebol profissional, o esporte mudou e a forma de aplicar a Contabilidade também. A governança e a transparência das “Demonstrações Contábeis de Entidades Desportivas” evoluíram nos últimos anos e isso contribuiu para o engrandecimento do esporte brasileiro”, garantiu da Raul Corrêa da Silva.

A atividade que faz parte do projeto “Encontro com Acadêmicos” possui pontuação no Programa de Educação Profissional Continuada- PEPC.

 

Esse texto está livre para publicação. Se precisar de  mais informações ou entrevistas entre em contato na  De León Comunicações:

Bruna Raicoski

Assessoria de Imprensa

bruna@deleon.com.br

(11) 5017-7604// 99655-2340